Luas de Sangue

 
 
 

Temos ouvido muito sobre a série de “luas de sangue” que estarão ocorrendo durante o próximo ano e meio. Mas o que exatamente é uma lua de sangue?

Cientificamente falando, uma lua de sangue é um eclipse total da Lua. Isso acontece quando ela passa na sombra da terra, de modo que os raios do Sol não estejam incidindo diretamente sobre ela. Por causa da atmosfera da Terra, ainda há luz que atinge a Lua, dando-lhe uma cor avermelhada.

Eclipses lunares totais não são tão raros quanto você pode ter pensado. A Lua está completamente na sombra da Terra cerca de

Eclipse_lunar.svguma vez a cada dois anos aproximadamente. O último eclipse lunar total foi em 10 de dezembro de 2011. Os cientistas diriam que este é um fenômeno natural que acontece com bastante frequência (em tempo científico). A lua é pelo menos parcialmente eclipsada de 2 a 5 vezes por ano, de modo que há muito mais eclipses parciais produzidos aí também.

No entanto, uma série de quatro eclipses lunares totais sucessivos é mesmo muito rara. As quatro luas de sangue que vamos testemunhar ao longo dos próximos 18 meses (se o Senhor tardar) são extremamente raras e estarão diretamente ligadas com alguns eventos históricos importantes, principalmente com relação a Israel.

Em primeiro lugar, o motivo pelo qual estamos postando este artigo é porque o irmão Branham reconhecia claramente sinais nos céus como eventos significativos e sinais dos tempos. Cinquenta anos atrás, pouco antes do papa viajar a Jerusalém pela primeira vez para se reunir com dirigentes da Igreja Ortodoxa, houve um eclipse total da lua. O profeta reconheceu o eclipse lunar como um sinal do escurecimento da igreja.

O irmão Branham disse:

O que, essa foi a igreja, a lua é a igreja, representa a igreja. E antes da igreja, a sombra do mundo cruza a lua. E a sombra do mundanidade, a sombra do mundanismo, igreja mundana, tem se alastrado de lado a lado para escurecer toda a Luz da Bíblia.
 

Aqui estão alguns fatos sobre as luas de sangue e como elas se relacionam aos eventos atuais:

Está programado para o papa ir a Jerusalém no próximo mês. Sua agenda é a mesma que houve a 50 anos: reunir-se com o chefe da Igreja Ortodoxa, promovendo por meio disto a unidade entre as igrejas.

Haverá uma “tétrade” de eclipses lunares ao longo dos próximos 18 meses, começando esta noite. Uma tétrade significa que haverá quatro luas de sangue uma após a outra. Houve apenas 12 tétrades nos últimos 500 anos.

As quatro luas de sangue ao longo dos próximos 18 meses cairão todas em dias de festa judaica. Isso só aconteceu sete vezes desde Cristo. A próxima tétrade será a oitava.

162-163 dC1044490_529772657058825_1325711084_n
795-796 dC
842-843 dC
860-861 dC
1493-1494 dC
1949-1950 dC
1967-1968 dC
2014-2015 dC

As luas de sangue caem nestes dois dias de festa:

Páscoa: O dia de festa hebraico comemorando o sacrifício de cordeiro em Êxodo, onde o anjo da morte passou sobre Israel, enquanto os primogênitos do Egito eram mortos. É também o mesmo dia em que Jesus foi crucificado. A Páscoa começa depois do anoitecer no dia 14 do mês hebraico nisan, e tem a duração de sete dias. (Nisan é o primeiro mês do ano judaico. A Páscoa geralmente cai em março ou abril.)
A Páscoa é a primeira festa anual.

Sucot: A festa de Sucot (Festa dos Tabernáculos) começa no dia 15 do mês de Tishrei (sétimo mês do calendário judaico; varia entre o final de setembro e o final de outubro). A festa começa no quinto dia do Yom Kippur. A palavra hebraica sucá significa “cabana ou tabernáculo,” que é uma estrutura de alojamento temporário coberta com um telhado de folhas de palmeira ou outros tipos de folhas. O propósito da festa é ser uma lembrança do tipo de habitações frágeis em que os israelitas habitaram durante seus 40 anos de viagem no deserto após o Êxodo da escravidão no Egito. Durante todo o feriado, as refeições são ingeridas dentro da sucá e algumas pessoas dormem lá também.

Eis uma das coisas que o irmão Branham disse sobre a Festa dos Tabernáculos:

A Festa dos Tabernáculos era a última festa, a sétima festa. Estamos adorando agora sob a festa dos tabernáculos, a sétima era da igreja.

64-0802 O Futuro Lar do Noivo Celestial e Da Noiva Terreal

Ao longo dos últimos 520 anos, cada tétrade ocorreu ao mesmo tempo de eventos judaicos significativos.

1493-1494: 1492 marcou o fim da Inquisição espanhola, e todos os judeus que não se converteram ao catolicismo foram expulsos da Espanha. Dezenas de milhares morreram tentando alcançar a segurança. No mesmo mês em que a Espanha emitiu seu edito de expulsão dos judeus, Cristóvão Colombo recebe suas ordens da Coroa espanhola para explorar uma rota através das Índias. Ele descobriu a América, que se tornou um porto seguro dos judeus e tem apoiado o Estado de Israel até este dia. Em seu diário, Colombo escreveu o seguinte:

             No mesmo mês em que Suas Majestades (Fernando e Isabel) emitiram o edito de que todos os judeus devem ser expulsos do reino e seus territórios, no mesmo mês, eles me deram a ordem para realizar, com homens suficientes, minha expedição de descobrimento às Índias.

As luas de sangue caíram nos seguintes dias: Páscoa (02/04/1493), Sucot(Festa dos Tabernáculos (25/09/1493), Páscoa (22/03/1494), Sucot(Festa dos Tabernáculos) (15/09/1494).

1949-1950: Em 11 de maio de 1949, as Nações Unidas votaram para aceitar Israel como seu membro 59, reconhecendo oficialmente Israel como país soberano. Judeus de todo o mundo começaram a voltar para Israel depois de estarem desalojados por quase 2.000 anos.

As luas de sangue caíram nos seguintes dias: Páscoa (13/04/1949), Sucot(Festa dos Tabernáculos) (07/10/1949), Páscoa (02/04/1950), Sucot(Festa dos Tabernáculos) (26/09/1950).

1967-1968: De 5 a 10 de junho de 1967 Israel vence três países árabes atacantes num total de seis dias, capturando pontos estratégicos ao longo das fronteiras e assume o controle total de Jerusalém pela primeira vez desde que os romanos invadiram em 63dC.

As luas de sangue caíram nos seguintes dias: Páscoa: (24/04/1967), Sucot(Festa dos Tabernáculos) (18/10/1967), Páscoa (13/04/1968), Sucot(Festa dos Tabernáculos) (06/10/1968).

2014-2015:

As luas de sangue cairão nos seguintes dias: Páscoa: (14/04/2014), Sucot(Festa dos Tabernáculos) (08/10/2014), Páscoa (03/04/2015), Sucot (Festa dos Tabernáculos) (27/09/2015).

Não sabemos ao certo o que esses sinais nos céus representam, mas os consideramos um aviso solene de que o Senhor Jesus em breve voltará os olhos para Israel e a Noiva será arrebatada para a Glória.

                  Citações do Irmão Branham:

Pai Celestial, toma a Tua Palavra, coloca-A em coração humano, para que eles… todo o povo junto esta noite, este pequeno grupo de pessoas aqui. Percebemos, Senhor, que somos–estamos vivendo nas sombras da Sua Vinda, e as sombras estão se tornando mais positivas, de ano em ano. Vemos os sinais aparecendo, coisas espantosas. Vemos nos jornais e nas revistas. A lua está se tornando sangue. Ouvimos falar de terremotos em todo o mundo, golpeando o mundo inteiro.

E, agora, um dia, abalou o mundo inteiro, quando o Filho de Deus foi oficialmente rejeitado e crucificado. E agora descobrimos que um grande grupo, chamado Concílio Mundial de Igrejas, está, oficialmente O rejeitaram, como disseram na (esta) Era de Laodiceia: “Ele estava do lado de fora da igreja, batendo à porta, tentando voltar para dentro.” E agora descobrimos que houve outro terremoto que golpeou esta, não as outras nações, esta nação, abalou o mundo inteiro; Jesus oficialmente expulso. E Ele Se encontra implorando esta noite, plenamente identificado, o mesmo ontem, hoje e eternamente.

Possam os crentes enxergar isto. Que aqueles que estão enfermos enxerguem, Senhor. Que aqueles que estão aqui esta noite possam tocar Sua veste, como fizeram nos dias passados. Cura os enfermos, e salva os perdidos, nós pedimos em Nome de Jesus Cristo. Amém.

64-0617 O Cristo Identificado de Todas as Eras

Artigo tirado

da

Voice Of God Recordings